F1 – Russell: Não podemos continuar com os freios atuais

George Russell

George Russell pediu para a Williams resolver urgentemente um problema com seus freios.

A equipe britânica está claramente em crise; além de ocupar as últimas posições do grid, ela está sofrendo com a falta de partes sobressalentes nos GPs.

Robert Kubica disse após Suzuka que a Williams “ultrapassou certos limites” quando removeu uma nova asa dianteira de seu carro depois dos treinos livres.

Até mesmo seu companheiro Russell está enfrentando dificuldades com o carro de 2019.

“Eu não sei por onde começar”, falou o estreante britânico pelo rádio após levar duas voltas em Suzuka.

“Nós não podemos continuar com esses freios. Eu estava pronto para abandonar em certo ponto, eles são péssimos. Nós realmente precisamos resolver isso”, acrescentou Russell.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.