F1 – “Reveja” Monza com os meus comentários em tempo real

Hamilton vence Monza 2018

Por: Adauto Silva

Vou te falar, meu caro leitor que me honra com sua leitura e comentários; Hamilton pode até perder o título desse ano, já que o equipamento dele é definitivamente inferior ao da Ferrari, mas várias de suas atuações nessa temporada vão entrar para a história como algumas de suas melhores. O GP da Itália certamente foi uma delas, uma das melhores que eu vi até hoje.

Nem Toto Wolff, chefe e um dos donos da equipe Mercedes, entendeu como Hamilton conseguiu vencer em Monza com clima seco. E isso é muito relevante.

Lembra que eu disse na minha coluna anterior que Spa havida sido enfadonho, mas Monza podia ser melhor? O que você acha, será que foi mesmo melhor? Será que tivemos uma super disputa do começo ao fim, ou estou vendo coisas?

E sem querer parecer convencido, mas já parecendo, desde Spa semana passada eu achei que o “Negão” tinha alguma chance. Eu disse na minha última coluna e em alguns comentários feitos durante a semana, que Monza era diferente de Spa, outra corrida, outras demandas, outra tocada. Sem nenhuma curva para “matar” o carro – a não ser uma chicane onde todos o “matam” -, a grande vantagem de tração em saídas de curva da Ferrari seria quase que anulada. A coisa seria decidida no motor, nas curvas de alta e na degradação térmica e mecânica dos pneus.

Não deu outra. Com uma atuação sublime – que me lembrou muito o saudoso melhor piloto da história – Hamilton fez o improvável e bateu as duas Ferraris com um motor cerca de 20 hp menos potente e menos torque na pista que mais exige motor na temporada!

Simplesmente espetacular para qualquer fã e/ou profissional do esporte!

A coluna de hoje será diferente. O que você vai ler e ouvir abaixo são meus comentários em tempo real enquanto a corrida acontecia no Whatsapp com um amigo (que ainda não tive o prazer de conhecer pessoalmente) que participa há muitos anos do Forum do Autoracing e também dos comentários nas matérias, e um grande fã do Hamilton, que desde sexta-feira estava pessimista e cabisbaixo com a surra que Hamilton estava levando dos carros da Ferrari, guiados pela dupla Vettel – Raikkonen, definitivamente uma dupla mixuruca que devia neste momento estar liderando os mundiais de pilotos e construtores com folga, bastante folga.

No sábado depois da classificação – quando ele ficou bastante chateado, eu já falei pra ele ter calma. A diferença havia sido de cerca de 0.2s do Negão para os pilotos da Ferrari. E 0.2s é uma diferença que Hamilton é capaz de tirar no braço. Eu disse a ele: “Quem tem pressa come crú”. E ele: “Quase 0,2 num pista curta. Amanhã a Ferrari vai fazer 1 – 2 de pijama”.

Eu respondi: “Pista curta, mas é a mais rápida do mundo, rapá. É muito pouca diferença. Hamilton é um monstro. O Bottas ficou a meio segundo e o Vettel tomou de novo de um piloto-aposentado.”

Então chegamos no domingo. O primeiro áudio abaixo foi na metade da volta 1, imediatamente depois que Hamilton ultrapassou Vettel, que sob pressão, novamente cometeu um erro crasso (alguém está contando quanto erros ele já cometeu desde o ano passado?) e caiu para último lugar na corrida!

Domingo, 2 de setembro de 2018, 10.17.09 h

10.35.01 h

10.36.16 h

Gustavo às 10:50: Mercedes perdeu a chance, mas vai ter briga no final.

10.53.04 h

10.54.17 h

10.55.07 h

Errei na matemática acima. Hamilton ainda teria 25 voltas para ultrapassar Kimi.

10.55.37 h

10.56.04 h

10.56.32 h

E isso quer dizer que a Mercedes mudou o angulo de asa traseira da classificação para a corrida, deixando Hamilton mais rápido nos setores 1 e 3 – onde temos as retas nas quais no final delas acontecem as ultrapassagens – e um pouco mais lento no setor 2.

10.57.44 h

10.58.34 h

10.59.54 h

11.00.47 h

11.02.54 h

11.06.03 h

11.06.16 h

11.07.04 h

Gustavo às 11.07.0o h Tá louco. Calma!

11.08.37 h

Gustavo às 11.09.01 h Nada. Mas vai passar na pista?

11.10.33 h

Gustavo às 11.13.02 h Pneu do Kimi tá crítico!

11.14.24 h

11.16.27 h

Gustavo às 11.18.12 h Hahahahauahauaha!

11.18.19 h

11.18.48 h

Errou Gustavão! Sou um garoto de apenas 56 anos ainda!

11.19.37 h

Gustavo às 11.20.08 h 38 kkkkkkkk

11.21.43 h

11.23.19 h

11.24.32 h

Gustavo às 11.24.00 h Sim, mas ele não tem.

11.25.48 h

Cinco minutos depois desse último comentário a corrida acabou sem a Red Bull orientar Max a deixar Bottas ultrapassá-lo. E então ele perdeu não somente o P3 que estava conquistando na pista, mas também o P4 para Vettel por causa da punição de 5 segundos que tinha levado.

Frustrante uma equipe como a Red Bull ter deixado isso acontecer!

Frustrados também devem ter ficado os torcedores da Ferrari, que estavam certos em esperar uma dobradinha tranquila tendo o melhor equipamento da F1. Mas Vettel de novo entregou o ouro na hora “H” e Kimi detonou seus pneus esquerdos passando constantemente em cima das zebras mesmo com a equipe o avisando.

A imagem abaixo mostra a zebra que estava matando os pneus esquerdos dos pilotos. Olhe onde Kimi passava e continuou passando mesmo depois do alerta da Ferrari. Depois olhe Hamilton após ter sido avisado pela Mercedes…

Agora Hamilton tem 30 pontos de vantagem faltando 7 corridas para o final. Isso significa que mesmo que Vettel vença as próximas 4 corridas – Cingapura, Rússia, Japão e EUA – se Hamilton conseguir chegar em P2 em todas elas, ele só correrá o risco de perder a liderança da tabela no México, obviamente se nenhum dos dois tiver alguma quebra ou acidente antes disso.

Também não pode chover e nenhum deles cometer algum erro bizarro.  O motor de ambos também tem que aguentar até o final da temporada sem mais uma troca sequer.

É meu amigo, pode acontecer muita coisa ainda…

Adauto Silva
Leia e comente outras colunas do Adauto Silva

Quer concorrer a uma réplica do capacete do Ayrton Senna? Clique AQUI e palpite sobre quem vai vencer a etapa de Cascavel da Stock Car!

AS - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.