F1 – Red Bull não vai desistir das corridas restantes

Christian Horner

Preparando-se para uma nova era com o motor da Honda, Christian Horner insiste que a Red Bull não vai desistir desta temporada, pois ainda há lições a serem aprendidas.

No ano que vem, a Red Bull vai competir com os motores Honda depois de anunciar o fim de sua turbulenta relação com a Renault.

Isso significa que grandes mudanças estão acontecendo na equipe, que também terá um novo piloto a bordo com Pierre Gasly. O francês está substituindo Daniel Ricciardo, que vai para a Renault.

Perguntado se existe a sensação de que a Red Bull está “esperando pelo final da temporada”, Horner disse à RACER: “Não, não realmente. Ainda há muita coisa que podemos aprender”.

“Eu acho que há algumas pistas chegando, estou ansioso para ir a Cingapura, estou ansioso para voltar ao México. O Japão pode ser interessante para nós, no Brasil, se chover, então ainda há muito a jogar neste ano”.

“As corridas mais difíceis – Spa e Monza – estávamos no pódio em Spa, poderíamos estar no pódio em Monza, então não é de todo ruim”.

Olhando para o GP de Cingapura deste fim de semana, o chefe da equipe espera um bom resultado, mas admite que o circuito de Marina Bay não é nada parecido com Mônaco.

“Espero que possamos ser mais competitivos em Cingapura”, disse ele. “Olha, Cingapura não é Mônaco, há mais retas e assim por diante, mas estávamos a um segundo de distância na classificação em Monza. Espero que possamos nos aproximar”.

“Sabemos que na corrida somos capazes de igualar ao que os líderes podem fazer, e Cingapura pode ser algo diferente de somente uma parada também, então há mais oportunidades”.

Quer concorrer a uma réplica do capacete do Ayrton Senna? Clique AQUI e palpite sobre quem vai vencer o GP de Cingapura da Formula 1!

IB - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.