F1 – Problema de Giovinazzi foi semelhante ao de Leclerc no Bahrain

Antonio Giovinazzi

A participação de Antonio Giovinazzi na classificação para o GP da China foi interrompida por um problema semelhante ao que afetou o piloto de Fórmula 1 da Ferrari, Charles Leclerc, no Bahrain, há duas semanas.

Na sequência do fracasso de Leclerc – uma perda de cilindros que lhe custou a vitória – tanto a Ferrari quanto a Haas foram equipadas com uma nova especificação ECU no início da corrida na China, na sexta-feira.

No entanto, devido a limitações de tempo na adaptação dos carros para uma instalação diferente, a Alfa Romeo optou por não levar a unidade revista oferecida pela Ferrari para a China.

Giovinazzi perdeu um cilindro no início de sua primeira volta no Q1 e não voltou a correr.

Ele vai largar em 19º no grid com um elemento novo da unidade mais antiga, enquanto seu companheiro de equipe Kimi Raikkonen vai continuar com a unidade que já completou as duas primeiras corridas.

“A Ferrari nos propôs a nova especificação, e não tivemos tempo de montá-la no carro devido à instalação”, disse Frederic Vasseur, chefe da equipe, à Autosport.

“Tivemos o problema hoje, e vamos mudar para amanhã, mas vamos manter a mesma especificação. Para Kimi, não vamos mudar a unidade para amanhã”.

“É sempre fácil dizer depois que poderia ter sido melhor, mas sabíamos que vir para a China e fazer a nova instalação também era arriscado”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.