F1 – Paddy Lowe deixa a Williams

Paddy Lowe

Paddy Lowe saiu da Williams.

A equipe britânica, cujo carro de 2019 sofreu um atraso que levou Robert Kubica a dizer que está apenas “20 por cento” preparado para o GP da Austrália, está chamando de uma “licença por razões pessoais”.

Porém, está claro que Lowe, um engenheiro altamente respeitado com passagens por McLaren e Mercedes, quase certamente está deixando seu cargo de diretor técnico. O britânico também é um acionista da Williams.

Sua saída pode estar ligada aos relatos de que o carro atrasado e já pouco competitivo da equipe em 2019 também possui soluções ilegais.

Supostamente, a FIA disse à Williams para fazer modificações nos retrovisores e na suspensão dianteira do FW42 antes da corrida inaugural em Melbourne.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.