F1 – Monisha: Sauber poderia ter ido melhor em 2015

Felipe Nasr

Monisha Kaltenborn sente que a Sauber não cumpriu todo o seu potencial em 2015 e espera que a equipe de Hinwill possa fazer melhor na próxima temporada da Fórmula 1. Os suíços tiveram um começo atribulado com a questão legal envolvendo o piloto holandês Giedo van der Garde, que alegava ter contrato para ser titular.

A Sauber começou o campeonato com um quinto lugar conquistado por Felipe Nasr em Melbourne. Mas foi o melhor que a equipe conseguiu em 2015, já que outras escuderias melhoraram seus carros: a Sauber terminou com 36 pontos e o oitavo lugar no Campeonato de Construtores.

“Em princípio, eu diria que estou feliz porque, em muitos aspectos, nós voltamos para onde nós geralmente estamos na classificação”, disse a chefe da equipe ao site Motorsport.com. “Mas eu acho que há mais potencial lá que temos que utilizar no próximo ano. Então, eu não estou totalmente feliz”.

Além da falta de ritmo de desenvolvimento e eficiência da Sauber, Monisha também lamentou os erros da equipe, que deverá olhar para trás e aprender as lições. “Eu acho que temos que ser particularmente auto-críticos; dizer que aqui e ali nós poderíamos ter feito as coisas de forma diferente”, explicou.

“Eu sei que as pessoas trabalham muito duro, e por isso não faço qualquer crítica à equipe que está fazendo o seu trabalho, porque eles têm limitações severas. Apenas saliento que erros não devem acontecer, porque isso realmente acaba com as chances que você tem”, concluiu ela.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.