F1 – Mercedes 2018 é mais difícil de dirigir do que o de 2017, diz Hamilton

Mercedes

Lewis Hamilton disse que o seu Mercedes 2018 está revelando ser mais difícil de conduzir do que o seu antecessor.

Hamilton conquistou uma surpreendente vitória em Baku durante uma corrida louca, apesar de ter dificuldades durante o fim de semana e ter ficado atrás de Valtteri Bottas, até que o finlandês sofreu um dramático estouro de pneu no final de corrida a três voltas do final.

Fora sua presença dominante na classificação do GP da Austrália, a Mercedes sofreu um complicado início de temporada, com a fabricante alemã ficando três corridas sem vencer pela primeira vez na era híbrida V6, tendo encontrado problemas particularmente em fazer com que os pneus 2018 funcionem efetivamente em todas as condições.

E o britânico acredita que o carro de 2018 da Mercedes – o W09 – é mais difícil de dirigir do que o concorrente de 2017, que o chefe da equipe, Toto Wolff, descreveu como uma “diva” devido à sua natureza imprevisível e desempenho flutuante durante a temporada.

“Acabamos de refiná-lo um pouco e torná-lo um pouco mais fácil de dirigir”, disse Hamilton. “Ele definitivamente não é tão fácil de dirigir quanto no ano passado. Então, sim, é para isso que vamos continuar trabalhando”.

Apesar de liderar o campeonato pela primeira vez este ano, Hamilton insiste que a Mercedes permanece atrás da rival Ferrari e admite que a Mercedes ainda tem “muito trabalho a fazer”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.