F1 – Leclerc não viu problemas nas ordens de equipe da Ferrari

Leclerc esperando Ferrari liberar ultrapassagem sobre Vettel

Os pilotos da Ferrari novamente experimentaram algumas ordens de equipe no rádio que estranhamente não foram mostradas na transmissão da TV. Duas vezes, Sebastian Vettel e Charles Leclerc trocaram de posição, mas na primeira ocasião, a Ferrari demorou muito para liberar a ultrapassagem de Leclerc sobre Vettel.

No momento em que Leclerc foi liberado para ultrapassar de Vettel, Max Verstappen já tinha se distanciado. Apesar disso, Leclerc permaneceu calmo durante suas entrevistas pós-corrida.

Diferentemente da Mercedes, que deixa seus pilotos brigarem nessa fase do campeonato – desde que não se toquem na pista -, na Ferrari é preciso que o piloto peça pelo rádio se pode ultrapassar seu companheiro de equipe

“Não houve problemas para mim no primeiro stint. Eu fui mais rápido, mas é difícil quando alguém que está atras diz que é mais rápido. Depois disso, eles me deixaram passar e eu poderia fazer minha corrida”, disse Leclerc à Sky Sports.

Para surpreender alguns (menos os leitores do Autoracing, que já sabiam dessa possibilidade), Leclerc deixou o box com os pneus duros. Ao rever essa escolha, Leclerc acha que foi a opção certa para o seu carro.

“Eu não acho que foi um mau convite para ir com os duros. Poderíamos ir até o final da corrida com eles, mas não os fizemos funcionar como esperado, mas foi o mesmo com os médios, para ser honesto”, acrescentou Leclerc.

Isso significa dizer que o carro de Leclerc só funcionou bem com os pneus macios, ao contrário de Baku, quando os macios funcionaram mal e os médios muito bem.

Parece que a Ferrari ainda não entendeu a conexão dos compostos de 2019 da Pirelli nas mais variadas pistas.

 

AS - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.