F1 – Hamilton pensou no campeonato para evitar colisão com Leclerc

Charles Leclerc e Lewis Hamilton

Lewis Hamilton diz que sua batalha com Charles Leclerc pela vitória no GP da Itália teria terminado de outra maneira se ele não estivesse pensando no título da Fórmula 1.

Ao ser questionado se teria lutado com Leclerc do mesmo modo se o campeonato já estivesse decidido, Hamilton respondeu: “Eu não teria me movimentado. E nós teríamos colidido”.

No calor da batalha, Hamilton sugeriu que Leclerc estava sendo “perigoso”, mas refletindo após a prova, o britânico não acredita que ele se entusiasmou demais ou mostrou uma “falta de respeito”, descrevendo os incidentes como “algumas disputas acirradas”.

“Nós não temos nenhum problema, não estamos brigados”, afirmou Hamilton. “Eu o parabenizei assim que saí do carro, creio que Charles é um dos pilotos mais respeitosos”.

“Foi a primeira vez que lutei roda a roda com ele. Quando você chega em um novo piloto, aprende como eles encaram diferentes cenários. E talvez você posicione seu carro de maneira diferente, talvez eu faça um trabalho melhor da próxima vez”.

A perseguição de Hamilton a Leclerc foi similar ao seu duelo como Kimi Raikkonen em Monza no ano passado, quando ele passou a Ferrari com uma manobra relativamente rotineira por fora na primeira chicane.

No entanto, Hamilton disse que não é justo comparar as disputas porque “eles não eram tão velozes nas retas no ano passado, ou nós não éramos tão lentos nas retas”.

Ele admitiu que pode discutir a batalha com Leclerc em privado se houver a oportunidade.

“Nós provavelmente poderíamos falar sobre isso em privado, mas não é nada tão significativo e nós continuamos lutando normalmente. Estou ansioso por muito mais corridas juntos”.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.