F1 – Hamilton: Eu guio contra quem quer que seja

Verstappen e Hamilton – Áustria 2019

O chefe da Mercedes, Toto Wolff, disse que não falou com Max Verstappen sobre uma possível mudança para sua equipe, em meio a fortes especulações que ligam o piloto de 21 anos da Red Bull aos campeões da F1 ou à Ferrari.

O holandês, um dos pilotos mais cobiçados do grid e na primeira fila para o GP da Áustria de domingo, tem contrato com a Red Bull até o final de 2020.

No entanto, a publicação alemã Auto, Motor und Sport citou o consultor da Red Bull, Helmut Marko, expressando preocupação com o fato de a Mercedes estar fazendo uma oferta por Verstappen, caso a cláusula de saída (Verstappen não vencer uma corrida até o GP da Hungria deste ano) seja acionada.

“Eu não falei com Max”, disse Wolff quando perguntado sobre os comentários de Marko.

“Eu gostaria de continuar como sempre fizemos no passado, primeiro avaliar nossa formação atual, discutir com os pilotos e saber quais são seus pontos de vista, antes de entrar realmente em uma discussão apropriada com outro piloto.”

Lewis Hamilton, a caminho de um sexto campeonato mundial nesta temporada, está sob contrato com a Mercedes até o final de 2020.

O companheiro de equipe Valtteri Bottas, vencedor de duas corridas este ano e 36 pontos atrás de Hamilton na classificação, tem um contrato de um ano com uma opção para 2020.

A Mercedes também tem o piloto francês de 22 anos de idade, Esteban Ocon, atualmente sem um assento.

Verstappen recusou-se a falar sobre a cláusula de saída do contrato.

Hamilton, sentado ao lado do piloto da Red Bull na coletiva de imprensa pós-classificação, disse que tudo era novidade para ele.

“Eu acho que a equipe está muito feliz com Valtteri e eu”, disse o britânico.

“Eu não me importo de guiar com você”, acrescentou ele a Verstappen. “Eu guio contra quem quer que seja.”

AS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.