F1 – Hamilton derrota Bottas no GP da Espanha

Lewis Hamilton

Lewis Hamilton assumiu a liderança do campeonato da Fórmula 1 após bater seu companheiro de equipe Valtteri Bottas na disputa pela vitória no GP da Espanha, com a Mercedes dando sequência ao seu começo de temporada perfeito.

Hamilton e Bottas garantiram a quinta dobradinha da Mercedes em cinco etapas, e o triunfo do britânico lhe deu uma vantagem de sete pontos sobre o finlandês na tabela.

Max Verstappen, da Red Bull, obteve seu segundo pódio da temporada em terceiro, derrotando os pilotos da Ferrari.

Hamilton largou em segundo, mas ultrapassou Bottas depois de vencer uma batalha tripla que também teve a participação de Sebastian Vettel na primeira curva. Hamilton e Vettel ficaram lado a lado com Bottas antes da curva 1, com Hamilton colocando por dentro de seu companheiro de equipe e Vettel quase deixando ambos para trás por fora.

Vettel travou sua roda dianteira direita e entrou forte demais na curva, enquanto Bottas aliviou no meio e cedeu a liderança para Hamilton. O finlandês corrigiu uma grande escorregada e manteve a segunda posição. Vettel foi para a área de escape na curva 2 e acabou atrapalhando seu companheiro Charles Leclerc, que perdeu o terceiro lugar para Verstappen.

Vettel perdeu rendimento por ter danificado seu pneu na primeira curva e eventualmente deixou Leclerc passar na volta 12. A partir daí, as cinco primeiras colocações só mudaram devido aos pit-stops.

Houve um período de safety car na volta 46, quando Lando Norris (McLaren) se envolveu em um acidente com Lance Stroll (Racing Point) em uma tentativa de ultrapassagem na curva 1. Stroll bateu nas barreiras e Norris também abandonou por causa dos danos em seu carro.

Pierre Gasly (Red Bull) tentou passar Leclerc na relargada, mas não conseguiu e foi pressionado por Kevin Magnussen (Haas) – que havia deixando seu companheiro Romain Grosjean para trás após um leve toque na curva 1. Entretanto, a ordem não se alterou.

Como consequência do incidente com Magnussen, Grosjean perdeu rendimento, foi atacado por Carlos Sainz (McLaren) e escapou na curva 1 depois de tocar rodas com o espanhol. Ele também foi superado por Daniil Kvyat (Toro Rosso) e terminou em 10º.

Classificação da prova:

Pos. Piloto Equipe Voltas Tempo/dif.
1 Lewis Hamilton MERCEDES 66 1h35m50.443s
2 Valtteri Bottas MERCEDES 66 4.074s
3 Max Verstappen RED BULL HONDA 66 7.679s
4 Sebastian Vettel FERRARI 66 9.167s
5 Charles Leclerc FERRARI 66 13.361s
6 Pierre Gasly RED BULL HONDA 66 19.576s
7 Kevin Magnussen HAAS FERRARI 66 28.159s
8 Carlos Sainz MCLAREN RENAULT 66 32.342s
9 Daniil Kvyat TORO ROSSO HONDA 66 33.056s
10 Romain Grosjean HAAS FERRARI 66 34.641s
11 Alexander Albon TORO ROSSO HONDA 66 35.445s
12 Daniel Ricciardo RENAULT 66 36.758s
13 Nico Hulkenberg RENAULT 66 39.241s
14 Kimi Raikkonen ALFA ROMEO FERRARI 66 41.803s
15 Sergio Perez RACING POINT MERCEDES 66 46.877s
16 Antonio Giovinazzi ALFA ROMEO FERRARI 66 47.691s
17 George Russell WILLIAMS MERCEDES 65 1 volta
18 Robert Kubica WILLIAMS MERCEDES 65 1 volta
19 Lance Stroll RACING POINT MERCEDES 44 abandono
20 Lando Norris MCLAREN RENAULT 44 abandono

 

LS - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.