F1 – GP da Alemanha em dúvida… de novo

Hockenheim

Georg Seiler, CEO do circuito de Hockenheim, é incapaz de dizer nesta fase se o Grande Prêmio da Alemanha continuará após 2018 e “discussões sérias” precisam ocorrer.

O GP da Alemanha está voltando ao lado do GP da França nesta temporada após uma ausência de um ano, mas em breve poderá desaparecer do cronograma, sem nenhum plano atualmente em vigor para estender o acordo com a Liberty.

Os proprietários da Fórmula 1 estão buscando ativamente novos destinos e querem aproveitar os mercados maiores, tornando as pistas com acordos de curto prazo vulneráveis ao corte.

“O contrato acabou em 2018”, disse Seiler à revista alemã MotorsportMagazin.com.

“Nós nos conhecemos com os novos proprietários e falamos, porque temos que realizar o GP de 2018. É bem sabido que haverá conversas sobre como será o futuro num tempo previsível, mas nenhuma discussão séria já aconteceu”.

“Nos próximos meses, as negociações devem ser devidamente realizadas. Infelizmente, não posso dizer ainda se as coisas continuarão de forma positiva. Só posso dizer que nos esforçamos para continuar a manter a Fórmula 1 na Alemanha. Mas há muitos fatores envolvidos”.

“Conosco, continua a ser que não queremos assumir riscos econômicos e não o faremos. Fazemos o nosso melhor, mas não podemos garantir nada”.

IB - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.