F1 – Gasly e Hartley ainda não mostraram todo o potencial, diz Tost

Toro Rosso

Franz Tost acredita que tanto Pierre Gasly quanto Brendon Hartley não tiveram a chance de mostrar o seu verdadeiro potencial na Fórmula 1, mas vão entregar em 2018.

A Toro Rosso fez uma série de mudanças em sua formação de pilotos durante a segunda metade da temporada passada, com Gasly substituindo Daniil Kvyat na Malásia e no Japão antes de Hartley assumir o assento de Carlos Sainz para as quatro últimas corridas. Os dois pilotos ficaram juntos apenas para as três rodadas finais antes de serem confirmados como a equipe em 2018, e Tost diz que seria injusto julgá-los no final de 2017.

“Foi um período de tempo difícil para eles entrarem na F1 porque o nosso carro não era tão competitivo como era no início da temporada”, disse Tost à RACER. “Nós trouxemos novas peças e atualizações para as pistas, mas parece que nossos concorrentes diretos fizeram um trabalho melhor”.

“Além disso, estávamos sofrendo com problemas de confiabilidade, o que significava que eles sempre tiveram que largar pela parte de trás do grid, o que não facilitou”.

“Entrar na F1 durante uma temporada é sempre uma tarefa difícil porque todos os outros pilotos fizeram milhares de quilômetros em seus carros – eles estão acostumados com os carros, eles conhecem a equipe e eles sabem de tudo. Para então entrar como um recém-chegado torna a vida bastante complicada”.

“De um modo geral, devo dizer que estou muito satisfeito com os dois pilotos porque acho que eles têm muito potencial e se nós, como equipe, fornecermos um carro bom e competitivo, eles estarão lá. Eu estou convencido disso”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.