F1 – FIA sabe que será impossível substituir Whiting

Charlie Whiting e Toto Wolff

Toto Wolff, chefe da Mercedes, acredita que será “impossível” para a FIA nomear uma única pessoa para substituir Charlie Whiting.

Whiting morreu na quinta-feira anterior à abertura da temporada da Fórmula 1 e a FIA reagiu com medidas de emergência, promovendo Michael Masi à função de diretor de prova no GP da Austrália.

A FIA continua avaliando quem será o novo diretor de prova a longo prazo, e Wolff diz que os dirigentes da F1 agora estão percebendo como será difícil substituir Whiting.

“Eu acredito que é impossível substitui-lo”, declarou Wolff. “Tive uma conversa com Ross Brawn antes da foto do grid e do minuto de silêncio, e ele disse que eles haviam acabado de descobrir o quanto Charlie estava fazendo”.

“Isso inclui trivialidades como câmeras em posições perigosas. Foi o que Ross mencionou para mim. Certamente, decisões duras precisarão ser tomadas no futuro, e acho que é impossível substituir Charlie. Porém, temos de apoiar quem assumir o cargo”.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.