F1 – Ferrari de 2018 passa por testes de colisão frontal da FIA

Ferrari

O carro de Fórmula 1 de 2018 da Ferrari passou com êxito nos testes de colisão frontal da FIA, e acredita-se que seja o primeiro modelo novo a fazê-lo.

O carro, conhecido internamente como 669, passou nos testes nas instalações de CSI da FIA em Bollate, perto de Milão, sob a supervisão do diretor técnico Mattia Binotto na sexta-feira. Já havia passado pelos testes estáticos relevantes.

A equipe italiana chegou a isso exatamente dois meses antes do lançamento on-line programado do novo carro em 22 de fevereiro, permitindo bastante tempo para o desenvolvimento.

Como suas rivais, a Ferrari deve cumprir com a diretriz técnica recentemente emitida sobre direção e suspensão dianteira. Isso tem como objetivo impedir que as equipes abaixem a dianteira dos carros nas curvas.

A Ferrari é uma das várias principais equipes que se entende estar no processo de modificar sua geometria original, a fim de remover quaisquer dúvidas sobre a legalidade. O novo carro é o trabalho de uma equipe liderada pela projetista-chefe Simone Resta e pelo chefe de aerodinâmica, Enrico Cardile.

A Ferrari teve um ressurgimento neste ano, passando de uma campanha decepcionante e sem vitórias de 2016 para conquistar cinco vitórias e lutar pelo campeonato de pilotos com Sebastian Vettel. O presidente Sergio Marchionne já declarou que não tem dúvida de que a equipe vai lutar pelo título novamente em 2018.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.