F1 – Era Binotto facilita a pressão sobre a Ferrari

Mattia Binotto

Mattia Binotto conseguiu aliviar a pressão sobre os ombros da Ferrari.

Essa é a afirmação de dentro da lendária equipe italiana, com o experiente Marc Gene dizendo à publicação holandesa Formule 1: “Você sempre sente pressão na Ferrari”.

“Mas você pode sentir essa pressão menos forte do que antes”.

Isso apesar do fato de que, após uma forte temporada de inverno, a Ferrari enfrentou problemas de ritmo na Austrália antes de uma falha técnica ter estragado a tentativa de Charles Leclerc de conquistar a primeira vitória no Bahrain.

Gene diz que a resposta de Binotto foi diferente comparada com o que teria acontecido na era Maurizio Arrivabene.

“Uma análise completa foi feita sobre o motivo pelo qual deu errado, ajustes foram feitos e agora o carro está de volta ao nível dos testes em Barcelona”, disse ele.

O ex-piloto de corridas e agora analista da Sky Italia, Davide Valsecchi, concorda que Arrivabene era “duro e às vezes agressivo”, enquanto Binotto é “muito mais flexível”.

“Ele tirou toda a política para fora da equipe”, disse ele.

E nesse ambiente, Leclerc agora está inclinado a prosperar.

“Ele vai lutar pelo título este ano, com certeza”, disse Valsecchi. “Ele já é pelo menos igual a Vettel em termos de velocidade”.

“E ele pode lidar com a pressão da Ferrari”.

Gene concorda que foi a “decisão certa” substituir Kimi Raikkonen pelo “mais jovem” Leclerc.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.