F1 – Destino do GP da Alemanha de 2020 está “nas estrelas”

Hockenheim

Tal como a Espanha, o lugar da Alemanha no calendário da F1 2020 também está em dúvida. Com o Vietnã e a Holanda figurando no calendário do próximo ano, isso parece ser à custa não só de Barcelona, mas também de Hockenheim.

“Estamos muito felizes por podermos receber o GP da Alemanha este ano”, disse o chefe de Hockenheim, Georg Seiler. “Especialmente porque a Mercedes assumiu o patrocínio título em outubro”.

Mas a chamada tardia significa que Hockenheim já está contando as perdas de bilheteria. “Esperamos que Vettel ainda possa ganhar o campeonato mundial”, declarou Seiler ao jornal Kolner Express. “E Mick Schumacher certamente atrairia muitos mais fãs”.

No entanto, o problema em Hockenheim é financeiro. “Mesmo um grande zero seria uma perda”, explicou Seiler.

“Infelizmente, não recebemos subsídios estatais. É por isso que a corrida de 2020 está nas estrelas. Continua sendo verdade que não podemos correr riscos financeiros”, concluiu ele.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.