F1 – De la Rosa não se entusiasmou com as regras de 2021

Fórmula 1 2021

Pedro de la Rosa admitiu que não está entusiasmado com as novas regras da F1 para 2021. A regulamentação não foi formalmente anunciada, mas já se sabe que o valor do teto orçamentário será de 175 milhões de dólares por equipe.

Também ficou claro que os carros de 2021 produzirão um “efeito solo” para ajudar a ultrapassar, reduzindo a quantidade tradicional de downforce produzida pelas asas.

“Eu não me importo com os regulamentos aerodinâmicos”, disse o ex-piloto de F1 de la Rosa ao jornal Marca. “O importante é a redução dos orçamentos, porque se houver igualdade, haverá ultrapassagem”.

“Mas 170 milhões de dólares ainda é uma quantia enorme. Acho que eles precisam de mais elementos técnicos comuns e depois pagar o dinheiro a todas as equipes de forma mais equitativa. No momento, algumas equipes recebem dez vezes mais do que outras”, acrescentou o espanhol.

No entanto, a Fórmula 1 está conseguindo fazer mudanças notáveis nas regras, incluindo planos para padronizar algumas partes. De la Rosa afirmou: “Sim, a ideia está certa, mas tem que ser mais do que superficial. Eu digo para tornar as as asas, difusores e pisos padrão – só as asas economizariam 30 ou 40 milhões de euros para as equipes”.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.