F1 – Comentários pós corrida – Williams – GP da China 2019

Robert Kubica e George Russell

George Russell, 16º colocado
O ritmo foi ligeiramente melhor do que o esperado, estávamos batalhando nas primeiras voltas e conseguimos acompanhar o pelotão. Quando as coisas se acomodaram, as diferenças começaram a aumentar e foi uma prova bastante solitária para mim. Enfrentamos dificuldades com os pneus no stint intermediário e os tempos de volta estavam piorando, então parar pela segunda vez foi a escolha correta. No fim do dia, esta é a nossa situação no momento, precisamos continuar nos esforçando e trabalhando.

Robert Kubica, 17º colocado
Não há muito a dizer hoje, para ser honesto. O momento mais empolgante da prova para mim foi quando rodei na volta de formação. Tentei aquecer os pneus e perdi o carro em baixa velocidade na curva 6. Depois, fiz uma boa largada e tentei a linha interna, mas, honestamente, não queria correr nenhum risco. Eu estava perto de um carro da Racing Point por dentro e não sabia se ele fecharia o traçado, então deixei espaço suficiente e perdi duas posições. É difícil arriscar algo quando você sabe que seu ritmo será lento.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.