F1 – Chefe da McLaren furioso com Leclerc e a Ferrari

Charles Leclerc

Andreas Seidl, chefe da McLaren, não ficou nada feliz com a Ferrari por ter deixado Charles Leclerc continuar na pista com a asa dianteira quebrada no GP do Japão.

Alguns destroços atingiram o carro de Lando Norris e prejudicaram severamente a corrida do estreante em Suzuka.

“Nós não estamos nada satisfeitos por nossos competidores estarem deixando seus carros na pista enquanto a lateral inteira da asa está se arrastando no chão”, declarou Seidl ao site Motorsport.com.

“Você coloca todos em risco com isso. Quando a parte da Ferrari caiu, um pedaço atingiu o duto de freio de Lando, fazendo a temperatura disparar, e nós tivemos de chamá-lo para limpar a área. A corrida estava acabada para ele”.

“Definitivamente, nós vamos conversar com o gerenciamento da prova para entender por que eles agiram daquela maneira. Se um componente tão grande está solto, me parece que não deveria haver nenhuma tolerância para continuar pilotando em velocidade máxima”.

Parte da asa danificada também atingiu o carro de Lewis Hamilton, arrancando um retrovisor da Mercedes. No futuro, espera-se que as regras sejam mais severas e que carros danificados sejam obrigados a entrar nos pits.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.