F1 – Bratches: Liberty não vai se precipitar em fazer promessas

Sean Bratches

A Liberty Media não fará promessas sobre como irá melhorar a Fórmula 1 até que tenha anúncios concretos para fazer, de acordo com Sean Bratches.

No final do primeiro ano da Liberty comandando a categoria, os novos proprietários da F1 passaram a ser mais escrupulosos quanto aos planos para o futuro e como irão desenvolver o negócio.

Como diretor comercial, Bratches destaca uma série de áreas onde está sendo feito progresso e as mudanças foram confirmadas, mas diz que a Liberty não anunciará prematuramente seus planos de longo prazo apenas para agradar os críticos.

“Acho que se você olhar para este ano, acho que conseguimos um montante significativo em termos de construção de uma organização e início do processo”, disse Bratches. “Esta é uma jornada e não um destino. Temos grandes aspirações para esta categoria”.

“Não é algo que você pode simplesmente fazer uma mudança e as coisas acontecem, as coisas precisam ser investidas, alimentadas e trazidas para o mercado, e eu acho que você vai continuar a ver anúncios, mudanças, a ampliação de pontos de contato de fãs em termos de como estamos indo”.

O site RACER entende que a Liberty apresentou às equipes um documento de várias páginas sobre seus planos para a categoria nas semanas antes do Natal como ponto de partida para discussões sobre a direção futura da F1.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.