F1 – Alonso não seria a escolha “mais saudável” para a Red Bull

Fernando Alonso

Christian Horner, chefe da Red Bull, diz que contratar Fernando Alonso como substituto de Daniel Ricciardo não seria “a coisa mais saudável” para sua equipe.

Ricciardo, que está na equipe principal da Red Bull desde 2014, chocou a organização na semana passada anunciando uma mudança surpreendente para a equipe de fábrica da Renault no próximo ano.

Sua decisão abriu uma desejada vaga em equipe de ponta, e isso provocou sugestões de que a Red Bull poderia oferecer a Alonso uma chance de retornar às primeiras posições; o bicampeão mundial vem andando no pelotão intermediário desde que foi para a McLaren em 2015.

Entretanto, em uma conversa com o Beyond the Grid, podcast oficial da Fórmula 1, Horner praticamente descartou a possibilidade de Alonso, citando os talentos domésticos da Red Bull e a reputação de Alonso de criar conflitos dentro da equipe.

“Eu tenho um respeito enorme por Fernando, ele é um piloto fantástico, mas seria muito difícil isso acontecer”, declarou Horner. “Ele sempre criou um pouco de caos onde correu”.

“Não tenho certeza se a contratação de Fernando seria a coisa mais saudável para a equipe. Nossa preferência seria continuar investindo nos jovens ao invés de ter um piloto que obviamente está perto do fim de sua carreira”.

 

LS - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.