Dennis chorou após assistir documentário sobre Senna

senna_dennisRon Dennis admitiu que assistir o aclamado novo documentário sobre Ayrton Senna foi emocionante.

“Sim, em certos momentos eu chorei”, disse ele ao Gazzetta dello Sport ao ser questionado sobre o filme. “Algumas das imagens me tocaram profundamente. Nós tínhamos um relacionamento muito próximo, só brigando por causa dos contratos”.

Um grande foco do filme é a intensa rivalidade de Senna com Alain Prost, mas Dennis afirmou que não se arrepende de ter colocado os dois juntos. “Se você tenta vencer com apenas um piloto, a capacidade de vencer da equipe sofre. O que está claro é que, apesar da disputa, nós vencemos 15 das 16 corridas em 1988”.

Dennis admite que também teve um relacionamento igualmente próximo com Mika Hakkinen e Lewis Hamilton, e disse que a dupla atual da McLaren se dá bem. “Martin Whitmarsh tem muito menos dificuldades com os pilotos do que eu na minha época”, sorriu ele.

Ele também foi questionado pelo Corriere della Sera se acha que o recorde de sete títulos de Michael Schumacher seria diferente se Senna não tivesse morrido em 1994. “Você só poderia responder isso com uma bola de cristal. Quando ele foi para a Williams, a equipe estava com problemas, mas ele teria usado sua experiência e vencido pelo menos um quarto campeonato”, afirmou Dennis.

LS – www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.