Danica pensou que seria mais rápido ter vaga para Daytona e Indy 500

Danica Patrick

Danica Patrick admite que está demorando mais tempo do que ela esperava para encontrar uma equipe para disputar as 500 Milhas de Daytona (da NASCAR) e de Indianápolis (da F-Indy). Ela anunciou sua aposentadoria das corridas em tempo integral no final de 2017.

As principais equipes da NASCAR Cup Series já a descartaram, deixando a piloto com opções limitadas. Para a Indy 500, Penske e Andretti negaram a adição de mais um carro, enquanto a Ganassi segue como possibilidade, bem como outras escuderias menos famosas.

“Está levando mais tempo do que eu gostaria, eu serei muito honesta com você”, disse Danica Patrick à estação de rádio SiriusXM em seu show da NASCAR. “Eu pensei que seria um processo mais rápido, mas você não pode se precipitar”.

“Eu sou uma grande crente, cada vez mais, apenas deixando as coisas fluir e tomar forma, e é por isso que acabei terminando minha carreira em tempo integral no ano passado”, afirmou ela.

“Fazer Daytona 500 e Indy 500 para este ano, não empurrei as coisas, deixei fluir e acabou perfeitamente. Com as equipes para as quais eu vou competir – ou equipe – na NASCAR e F-Indy, estou pressionando educadamente, mas você não pode fazer essas coisas acontecerem “, finalizou Danica.

EB - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que contenham ofensas não serão aprovados pelo moderador.