Carros de rua – Fox e CrossFox 2014 chegam mais modernos, seguros e com tecnologias inéditas

Fox I-Trend 2014

Fox I-Trend 2014

A linha 2014 dos modelos Fox e CrossFox chega ao mercado como uma variedade de recursos e equipamentos de segurança ativa e passiva desde a versão de entrada. Os modelos ganham nova arquitetura eletrônica, mais moderna, o que possibilita a instalação de recursos e equipamentos inéditos, além de itens adicionais de segurança.

Dessa forma, a linha Fox, que já traz de série em todas as suas versões freios ABS (Antilock Braking System ou Sistema Antitravamento dos freios) e airbags frontais, passa a contar também com o sistema ESS (Emergency Stop Signal ou Sinal de Frenagem de Emergência) como equipamento de série.

Já disponíveis em modelos como Passat e Tiguan, o ESS funciona como um alerta para evitar colisões traseiras. Toda vez que o motorista aciona o pedal de freio de forma acentuada, mantendo uma frenagem mais consistente, o sistema aciona as luzes traseiras de freio de forma intermitente, sinalizando aos demais motoristas que o Fox ou o CrossFox está tendo uma desaceleração acentuada.

Mais do que sinalizar frenagens bruscas, o Fox e o CrossFox 2014 receberam evoluções no sistema de freio, que o tornaram ainda mais eficiente. Graças à adoção de freios o ABS de última geração e a utilização de um servo-freio com diâmetro maior – agora são 10 polegadas –, o condutor do Fox 2014 tem um melhor “feeling” de pedal de frenagem, de maneira que é possível sentir com mais precisão o momento em que se modula o pedal de freio para controlar melhor o espaço de frenagem do veículo.

Outra novidade que passa a ser de série em todos os modelos do Fox e do CrossFox 2014 é o Comfort Blinker, mais um importante recurso de conforto e segurança. Este dispositivo, presente também em modelos como Jetta e Passat, possibilita que o motorista, com um leve toque na alavanca de seta, indique a direção que pretende ir com o veículo, sem necessariamente acionar a alavanca de seta completamente. Com esse leve toque, o sistema aciona a luz de seta três vezes seguidas e indica a intenção de troca de faixa.

O I-System, opcional para o Fox e item de série no CrossFox, também evoluiu. Esse sistema concentra, no instrumento combinado do painel, as informações do rádio – como a sintonia (AM/FM) e o nome da música que está tocando –, o status do telefone (se está ou não conectado com o Bluetooth) e os dados do computador de bordo (que informa distância percorrida, tempo de viagem, velocidade digital, consumos instantâneo e médio de combustível e autonomia).

Além disso, o I-System do Fox 2014 permite, por meio de um menu, configurar diversas funções do veículo. Entre os ajustes disponíveis estão as informações do sistema ECO Comfort. Esse dispositivo – mais uma evolução proveniente da nova arquitetura eletrônica e que está presente em todos os modelos da linha Fox 2014 equipados com o I-System – emite uma série de mensagens no painel (instrumento combinado) orientando o motorista a dirigir de forma mais econômica.

Com o veículo parado, o ECO Comfort também pode emitir alertas visuais com as mensagens: “Não acionar o pedal do acelerador na partida do motor” e “Não acionar o pedal do acelerador com o veículo parado”.

Com o câmbio automatizado I-Motion, o ECO Comfort também emite sinais para que o motorista dirija da forma mais eficiente. Se o motorista estiver por um longo período com a alavanca de câmbio na posição “S” (Sport), permitindo que as marchas sejam trocadas em rotações mais elevadas, surge uma mensagem recomendando “Colocar a alavanca seletora na posição ‘D’ (Drive)”. Se o motorista preferir, todas as funções do ECO Comfort podem ser desativadas.

Tecnologia e equipamentos

Reconhecido pela sua ótima relação custo-benefício, o Fox passa a ser ainda mais equipado em sua linha 2014. Agora, desde a versão de entrada, são de série itens como direção hidráulica, conta-giros, banco do motorista com regulagem de altura, chave canivete, faróis com máscara negra, rodas de aço de 15 polegadas com calotas, para-choques pintados na cor da carroceria, desembaçador do vidro traseiro, aviso sonoro dos faróis ligados, entre outros.

Como novidade está o sistema de limpadores do para-brisa dianteiro. As palhetas utilizam a tecnologia aerowischer, que tem funcionamento mais silencioso, com melhores aerodinâmica, performance e durabilidade, em comparação às palhetas convencionais.

Além disso, os limpadores dos vidros do Fox nunca param no meio do para-brisa, mesmo quando o veículo é desligado com o sistema acionado. Graças à nova arquitetura eletrônica, os limpadores sempre completam o movimento e voltam à posição inicial. O mesmo vale para a palheta do limpador do vidro de trás. Esta, por sinal, liga automaticamente toda a vez que o limpador dianteiro estiver acionado e a marcha à ré for engatada.

Outra novidade é o rádio global RCD 320. O sistema, o mesmo utilizado no Jetta Comfortline, concentra os seus recursos tecnológicos na parte frontal do rádio – inclusive as entradas Auxiliar, USB e SD-Card. Seguindo a iluminação em vermelho do restante do painel (os botões são iluminados em vermelho e o restante conta com luz branca), o rádio também tem grande interação com o I-System, transmitindo as informações exibidas na tela do rádio no display central do painel de instrumentos.

O sistema Bluetooth oferece o recurso “hands free” (mãos livres), que possibilita ao motorista efetuar ou receber chamadas telefônicas utilizando apenas as teclas do volante multifuncional, item que agrega tanto comodidade como segurança, pois o condutor não precisa tirar as mãos do volante.

Ainda em relação ao Bluetooth, nos novos sistemas de som a interface com os aparelhos mais modernos disponíveis no mercado é muito avançada. É possível, por exemplo, parear não apenas os contatos da agenda do telefone, mas também sincronizar com o aparelho de som do carro os arquivos de áudio armazenados no celular. Dessa forma, pelas teclas do volante, o motorista consegue selecionar a playlist de músicas salvas no celular. Tudo isso sem a necessidade de utilizar cabos.

Todos os rádios contam também com entradas Auxiliar, USB e SD-Card na parte frontal do painel, em local de fácil acesso. Essa entrada, capaz de ler arquivos salvos em diversos formatos, ainda permite carregar a bateria do celular – desde que o telefone conte com um cabo com formato USB padrão. Outra comodidade oferecida no console central do Fox é a entrada de 12 volts. Todas essas operações têm interface com o I-System, seja na tela central do painel de instrumentos ou no display do rádio.

Conectado ao rádio está outra exclusividade do Fox e do CrossFox: o PDC (Parking Distance Control), ou controlador de distância ao estacionar. Quando equipado com o sensor de aproximação de obstáculos traseiros (opcional), o Fox e o CrossFox 2014 exibem na tela central do rádio a silhueta digital no formato da carroceria do veículo (visto de cima), com uma barra que vai se aproximando da traseira à medida que a distância do obstáculo diminui.

O sistema, que funciona por meio de quatro sensores instalados no para-choque traseiro, conta ainda com o auxílio sonoro (beep), que vai aumentando a intermitência conforme o carro se aproxima do objeto.

Motores e transmissões

O Fox 2014 mantém a motorização 1.0 TEC, que passou a ser oferecida no modelo em agosto do ano passado. Esse motor traz a nova denominação TEC (Tecnologia para Economia de Combustível), com ótimo torque em baixas rotações, proporcionando maior conforto ao dirigir, economia de combustível e baixas emissões de CO2, garantindo excelente performance.

O motor TEC é Total Flex: pode ser abastecido com etanol, gasolina ou a mistura dos dois combustíveis em qualquer proporção. Quando abastecido com etanol (E100), a potência do motor TEC é de 76 cv (56 kW) a 5.250 rpm e o torque é de 10,6 kgfm (104 Nm) a 3.850 rpm. Quando está abastecido com gasolina (E22), a potência é de 72 cv (53 kW) a 5.250 rpm e o torque é de 9,7 kgfm (95 Nm) a 3.850 rpm.

O motor TEC tem 999 cm³ de cilindrada, quatro cilindros em linha e duas válvulas por cilindro. Este motor – que é sempre associado à consagrada transmissão manual de cinco marchas MQ200 – está posicionado na dianteira de forma transversal e proporciona um desempenho excelente para o Fox.

Ao nível do mar, o Fox com motor 1.0l TEC necessita de 14,1 segundos para acelerar de 0 a 100 km/h e registra velocidade máxima de 160 km/h (obtida em quinta marcha) com etanol. Com gasolina, a aceleração até 100 km/h é realizada em 14,7 segundos e a velocidade máxima chega a 158 km/h.

O Fox é oferecido ainda com o motor 1.6l EA111 VHT Total Flex – propulsor também utilizado no CrossFox. Quando está abastecido com etanol (E100), a potência do motor 1.6 é de 104 cv (76 kW) a 5.250 rpm e o torque é de 15,6 kgfm (153 Nm) a 2.500 rpm. Quando está abastecido com gasolina (E22), a potência é de 101 cv (74 kW) a 5.250 rpm e o torque é de 15,4 kgfm (151 Nm) a 2.500 rpm.

Nessa configuração, o Fox 1.6l acelera da imobilidade até os 100 km/h em 10,5 segundos e tem velocidade máxima de 184 km/h, quando abastecido com etanol. Utilizando gasolina, o modelo 1.6 chega aos 183 km/h e precisa de 10,8 segundos para acelerar de 0 a 100 km/h.

O motor 1.6l ainda pode ser aplicado à consagrada transmissão automatizada ASG (iniciais de Automated Sequential Gearbox). O Fox I-Motion e o CrossFox I-Motion oferecem o melhor de dois mundos: o conforto de um câmbio automático e a eficiência mecânica de um câmbio manual. Além disso, o preço do câmbio I-Motion é extremamente atraente, se comparado à transmissão automática convencional (com conversor de torque).

A base da transmissão ASG é a caixa de câmbio manual de cinco marchas, cujo comando manual é substituído por um conjunto de atuadores eletrohidráulicos, comandados por uma unidade de controle eletrônico da transmissão (TCU – Transmission Control Unit). Com os mesmos números de torque e de potência do modelo equipado com o câmbio manual, o Fox 1.6l I-Motion acelera de 0 a 100 km/h em 11 segundos (com etanol) e 11,3 segundos (com gasolina). A velocidade máxima é de 184 km/h (etanol) e 183 km/h (gasolina).

Uma década de sucesso

O Volkswagen Fox sempre foi um carro inovador, por dentro e por fora. Quando estreou no mercado nacional, em 2003, o modelo estabeleceu novos parâmetros de funcionalidade e de ergonomia. Desenvolvido sob o conceito de “dentro para fora”, o Fox surpreendeu o País pelo conforto e espaço dentro da cabine, mesmo com dimensões externas de carro compacto.

Banco traseiro corrediço (que até hoje é uma exclusividade da família Fox no Brasil), posição elevada de dirigir e vários porta-objetos distribuídos pela cabine (incluindo um espaço na lateral da porta capaz de acomodar uma garrafa de 1,5 litro e uma gaveta sob o banco do motorista) são alguns dos destaques do interior do Fox, que evoluiu ainda mais na linha 2014.

O painel ganhou uma nova cor, cinza (“Storm Gray”), que dá a sensação de maior amplitude na parte frontal da cabine. O console central foi totalmente retrabalhado e passa a contar com um novo padrão de acabamento, com materiais mais nobres, maior quantidade de linhas cromadas e acabamentos diferenciados entre as versões.

A paixão pelo detalhe fez com que cada mudança valorizasse mais o cockpit, trazendo maior percepção de valor ao Fox. Por exemplo, as molduras em cor exclusiva, de tão precisas, parecem ter sido esculpidas ao redor das áreas de comando e controles de rádio, ar-condicionado e botões especiais. Esses elementos separam visualmente cada área de visualização do motorista, organizando melhor as regiões de interface do interior.

regiões de interface do interior. O painel de instrumentos (cluster) também evoluiu e traz nova serigrafia, de fácil leitura e com luzes brancas e vermelhas, com visual clean e mais nítido. A iluminação da cabine tem o sistema progressivo de desligamento (fade out) em todas as versões do Fox e do CrossFox 2014. Ou seja, em vez de apagar as luzes internas de uma vez, o sistema de iluminação controla a intensidade das lâmpadas, reduzindo de forma gradativa e suave as luzes até que elas se desliguem. Resultado: maior conforto e sofisticação.

Outro destaque do Fox e do CrossFox 2014 é o novo conceito de acionamento de faróis e lanternas. Herdado de modelos importados, como a linha Passat, por exemplo, o novo mecanismo de chave seletora integrado ao painel, à esquerda da coluna de direção, dá ao condutor da linha Fox melhor ergonomia e um aspecto mais moderno ao painel.

A linha 2014 do Fox recebe uma nova calota de 15 polegadas. Chamada de “Sertões”, a calota conta com design de conceito de raios e pintura em nova cor, desenvolvida com grãos de alumínio mais finos, que trazem maior requinte à aparência do carro e efeito metálico.

Rock in Rio

Com dez anos de sucesso, a trajetória do Fox sempre foi marcada pela oferta de versões ou séries especiais. Tendo como base os equipamentos de série da versão topo de linha Highline, a Volkswagen preparou uma configuração exclusiva para homenagear um dos maiores festivais musicais do mundo: o Rock in Rio.

A série especial Fox Rock in Rio será produzida em edição limitada e oferecida durante seis meses no mercado nacional – entre abril e setembro, quando ocorre o festival musical.

Oferecido exclusivamente com a motorização 1.6, estará disponível nas cores sólidas Vermelho Tornado, Branco Cristal e Preto Ninja, além das tonalidades metálicas Azul Boreal e Prata Sargas.

Nas laterais da carroceria, o destaque são as novas faixas adesivas, com a silhueta de uma guitarra. A nomenclatura resinada (pintada em Vermelho Tornado) alusiva ao evento aparece nos para-lamas dianteiros e na tampa traseira. Já as capas dos retrovisores pintadas em “Chrome Effect” e as luzes de seta integradas combinam com a tonalidade da faixa adesiva lateral, ao mesmo tempo em que realçam o acabamento em preto na Coluna “B”, aquela entre as janelas laterais.

O modelo passa a contar com itens de série como as rodas de liga leve Dakar de 15 polegadas. Lanternas escurecidas, maçanetas e spoiler traseiro pintados na cor da carroceria e os adesivos em preto fosco no para-choque traseiro complementam o visual externo.

Em sintonia fina com a carroceria, o interior do Fox Rock in Rio apresenta muita esportividade, utilizando tecidos mais escuros e realçando os detalhes em Vermelho Tornado nos aros dos difusores de ar do painel, contorno da base da alavanca de câmbio e as costuras no couro utilizado para dar acabamento no volante e no câmbio.

Ainda na parte de forração, as laterais das portas e os bancos contam com aplique em vinil e figurino exclusivo, cuidadosamente composto por malharias cinza escuro, relevos e costuras vermelhas. Bolsas laterais nos bancos dianteiros e adesivos de soleira das portas com placa metálica completam o conjunto.

O cinzeiro personalizado com o logotipo resinado do Rock in Rio chama a atenção no console central. Outra característica marcante da série especial é a etiqueta bordada com a guitarra símbolo do festival na lateral dos bancos dianteiros.

EB - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que contenham ofensas não serão aprovados pelo moderador.