Carros de rua – Entregue o primeiro McLaren Senna a cliente brasileiro

McLaren Senna

A McLaren São Paulo recebeu na última quinta-feira (13 de junho) a primeira unidade do McLaren Senna destinada ao mercado brasileiro. O carro, de cor British Racing Green, será entregue a seu comprador nos próximos dias. O modelo tem produção limitada a 500 exemplares – todos já comercializados, sendo quatro para o Brasil.

Inspirado no piloto Ayrton Senna, o McLaren Senna é considerado o mais extremo modelo da marca legalizado para uso em vias públicas. Seu motor biturbo de 4 litros desenvolve 800 HP de potência e permite acelerar de 0 a 100 km/h em 2,8 segundos, de 0 a 200 km/h em 6,8 segundos e atingir velocidade máxima de 340 km/h.

O público brasileiro teve a primeira oportunidade de ver o McLaren Senna (um protótipo de apresentação) no Salão do Automóvel de 2018. O carro foi escolhido como “Destaque do Salão” em eleição aberta ao público promovida pelo site UOL Carros. A entrega dos quatro McLaren Senna vendidos pela McLaren São Paulo será concluída no segundo semestre.

Sobre a McLaren Automotive 

A McLaren Automotive é uma fabricante de carros esportivos de luxo, alto desempenho e supercarros.

Cada veículo é montado a mão no McLaren Production Center (MPC) em Woking, Surrey, Inglaterra.

A empresa, lançada em 2010, ocupa atualmente a maior parte do Grupo McLaren.

A empresa possui famílias de produtos: Sport Series, Super Series, Ultimate Series e Motorsport, distribuídas por mais de 80 representantes em mais de 30 mercados no mundo.

A McLaren é uma fabricante pioneira, que supera continuamente os seus limites. Em 1981, introduziu chassis de fibra de carbono leves e resistentes na Fórmula 1 com o McLaren MP4/1. Em 1993, projetou e construiu o carro de rua McLaren F1 – a empresa não construiu nenhum carro sem chassi de fibra de carbono desde então. Como parte da Ultimate Series, a McLaren foi a primeira a oferecer um hipercarro híbrido, o McLaren P1.

Anunciado no Festival de Goodwood em 2018, o plano de negócios Track25 significa investimento de 1,2 bilhão de libras esterlinas em pesquisa e desenvolvimento para entregar 18 novos carros ou derivados até o fim de 2025.

Em 2018, a McLaren lançou o 600LT e os dois primeiros modelos do Track25: o McLaren Speedtail, próximo Ultimate Series e primeiro Hyper-GT da McLaren, e o 720S Spider. Também inaugurou o McLaren Composites Technology Centre (Centro de Tecnologia em Materiais Compostos) na região de Sheffield, no norte da Inglaterra, que produzirá a próxima geração de chassis de fibra de carbono que são o coração de todos os carros McLaren.

O ano de 2019 teve o lançamento do 600LT Spider confirmado como terceiro carro do Track25, com um novo GT anunciado e o lançamento do Senna GTR exclusivamente para pista, já anunciado anteriormente.

Para apoiar o desenvolvimento, engenharia e fabricação de sua linha de carros esportivos inovadores e supercarros, a McLaren Automotive se associou com empresas líderes mundiais para fornecer conhecimentos especializados e tecnologia. Estes incluem Richard Mille, Pirelli, Dell Technologies, Ashurts, AkzoNobel e OnePlus.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.