Aston Martin sugere entrar na Formula 1 em 2021

Red Bull Aston Martin

A Aston Martin está avaliando ansiosamente a viabilidade de se tornar uma fornecedora independente de motores na Fórmula 1 a partir de 2021, se as regras forem acessíveis e competitivas, diz o chefe da empresa, Andy Palmer.

O CEO da Aston Martin aumentou o envolvimento da marca na categoria, fechando um acordo de patrocínio título com a Red Bull a partir de 2018, enquanto o chefe da equipe, Christian Horner, insinuou fortemente uma potencial parceria de motor no futuro.

Palmer está interessado em entender os futuros regulamentos do motor de F1 que serão implantados em 2021 para ver se poderia fazer o movimento para se tornar uma fornecedora de motores e foi encorajado pelas propostas apresentadas de padronização de uma série de componentes do motor para tornar as unidades de potência mais baratas enquanto também nivelando a competitividade.

As propostas apresentadas no mês passado às fabricantes atuais e interessadas incluíram aumentar em 3000 RPM para melhorar o som, remover o MGU-H, um único turbocompressor e padronizar a bateria e controle eletrônico.

Falando à Sky F1, Palmer diz que está satisfeito com as propostas, mas devido a feedbacks mistos de vários fabricantes, ele quer que a Aston Martin adie uma decisão final até que as novas regras sejam votadas em 2021.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.